Clube Athletico Paulistano

menu menu menu
Login/Área Restrita

Bares e Restaurantes

Camarão com chutney

Gastronomia este mês traz a receita de Camarão com chutney e espaguete de pupunha, prato que pode ser harmonizado com o vinho King Rabbit Blanc

Clube Paulistano - Vinho-King-Rabbit-Blanc-a

Chutney de maracujá
Ingredientes
1 manga
150 g de açúcar mascavo
15 ml de óleo
1 unidade de pau de canela
3 unidades de cravo
1 colher de sopa de pimenta dedo-de-moça picada
1 colher de café de alho picado
100 ml de vinagre de maçã
água
1 pitada de sal
3 maracujás

Preparo
Em uma panela coloque a polpa de maracujá com 200 ml de água e deixe ferver. Em seguida, retire do fogo, peneire e reserve a polpa. Corte a manga em cubos e coloque-a em uma panela juntamente com açúcar, canela, óleo, cravo, alho, pimenta, sal e vinagre. Deixe reduzir em fogo brando. Assim que estiver com o ponto bem espesso, junte o maracujá. Mexa bem, retire do fogo e reserve.

Espaguete de pupunha
Ingredientes
150 g de palmito pupunha
1 g de alecrim
1 g de manjericão
1 g de tomilho
15 ml de azeite
1 pitada de sal
1 g de alho

Preparo
Pique todas as ervas e misture com o azeite. Fatie o palmito pupunha em forma de espaguete e cozinhe-o até ficar al dente, depois retire do fogo. Em outra panela frite o alho e adicione o azeite de ervas. Junte o espaguete de palmito, acerte o sal e reserve.

Camarão
Ingredientes
500 g de camarão
1 g de alecrim
1 g de manjericão
1 g de tomilho
15 ml de azeite
1 g de alho
sal
50 ml de vinho branco

Preparo
Pique todas as ervas e misture com azeite. Em uma frigideira bem quente frite o alho, adicione o azeite de ervas, coloque os camarões e o sal. Vire dos dois lados, adicione o vinho branco e deixe reduzir.

Montagem
Monte igual à foto e sirva em seguida.


abrindo um vinho

O COELHO DE ALICE… NO PAÍS DAS MARAVILHAS!

Por Bruno Airaghi

Com o calor se aproximando, nesta edição vale falar sobre o vinho branco, no caso uma novidade que tem origem no Languedoc-Roussillon. Tradicional área vitivinícola com mais de 2 mil anos na produção de vinhos.

Do extremo sul da França, a região se caracteriza em degraus sucessivos, do Maciço Central ao norte, dos Pirineus e do mar Mediterrâneo ao sul. De leste a oeste, se alonga do Vale do Rhône a Carcassonne.

Nosso vinho é, portanto, o King Rabbit Blanc, um blend das uvas Ugni Blanc e Colombard sem passagem em madeira, que traz frescor e notas florais nos aromas e bastante fruta branca e de caroço na boca, com boa persistência.

Seu rótulo alegre combina com o conteúdo despretensioso e muito fácil de beber e de agradar, com 11,5% GL. A linha King Rabbit é produzida por LGI Wines, de Languedoc-Roussillon.

São vinhos modernos e irreverentes, assinados pelo artista francês Gildas Coudrais. Todos os rótulos vêm com a imagem estilizada do coelho da Alice no País das Maravilhas, que vivia correndo atrás da felicidade, mas que esquecia de viver o momento presente.

Quanto às cepas, temos a Colombard, famosa por estar na composição de excelentes vinhos de corte, entre os tradicionais Cognac e Armagnac, e conhecida por sua excelente neutralidade, tornando-a uma das principais variedades utilizadas na composição de blends.

Sua parceira, a Ugni Blanc (Trebbiano na Itália), dá bons vinhos varietais, mas vai melhor nas combinações com Sémillon, para brancos na região de Bordeaux e Loire.

A proposta do King Rabbit é exatamente degustar a vida e vivenciar o prazer de beber um bom vinho hoje, sem complicação! Harmoniza bem com peixe, entradas frias e petiscos. Temperatura de serviço: 8 a 10 ºC.

Salute!

Compartilhar
Aumentar Texto
Contraste